Semana de Combate à Erotização da Infância

Institui e Inclui no Calendário de Eventos Oficiais do Município a Semana de Combate à Erotização da Infância.
EMAIL MKT
Agora é Lei!
A Lei Municipal Nº 9.103, DE 31/03/2014, inclui no calendário de Eventos Oficiais do Município, a Semana de Combate à Erotização da Infância. Será realizado anualmente, de 8 a 14 de outubro, no âmbito do Município.
Para efeito desta Lei, entende-se por erotização da infância a associação da criança à sensualidade e ao desejo inapropriado ao seu desenvolvimento psíquico. Durante a Semana de que trata o artigo 1º desta Lei, o Poder Público em articulação com a sociedade civil, poderá promover atividades de conscientização acerca do desenvolvimento psíquico da criança e dos efeitos negativos da erotização da infância.
Especialistas afirmam que uma criança que tenha sido erotizada precocemente tem grande possibilidade de ser tornar uma pessoa frustrada ou confusa em relação à sua própria sexualidade, supervalorizar o corpo ou ter uma visão depressiva do sexo e da sua imagem.
“Não convém que crianças fiquem expostas, a todo tipo de influência das mídias e agora com a modernidade, às redes sociais. Muitas mensagens são apelativas e envolvem a erotização precoce. Na internet o mundo pode ser acessado em um minuto e mudar uma vida para sempre.
A educação é a base para um direcionamento correto das crianças. O adulto precisa conhecer os perigos da erotização infantil, como ela pode acontecer e quais as suas consequências.”, explica o vereador Calasans Camargo.
Apresentamos a proposta de instituição da Semana de Combate à erotização Precoce da Infância, como forma de despertar a consciência da população, pais, educadores e autoridades para o tema, bem como conscientizar as fases de desenvolvimento da criança, evitando a possibilidade de efeitos nocivos ao funcionamento cognitivo, físico e mental.

Vistoria Jd. das Indústrias

Estivemos vistoriando as demandas de trânsito (viárias) no Jd das Indústrias juntamente com o Secretário Municipal de Mobilidade Urbana, Paulo Guimarães afim de checarmos os locais onde há  pedidos de readequações por parte da comunidade local para que estas sejam oficiadas à referida secretaria, a qual fará o estudo técnico e de viabilidade.

Lei contra Erotização Infantil

Diante de todos esses episódios que estamos vivenciando, relacionados à exposição das crianças, queremos deixar clara a nossa posição. Nosso dever é criar projetos que despertem a consciência da população e de autoridades para esta importante discussão sobre a proteção e o cuidado que devemos tomar em relação às nossas crianças e adolescentes.

O Perigo da Erotização Infantil

Precisamos conscientizar as famílias para que se atentem aos conteúdos de programações de TV, internet e músicas que invadem nossos lares promovendo uma antecipação desnecessária da erotização das nossas crianças. Atualmente existe na mídia um forte apelo sexual e sem percebermos nossas famílias são afetadas.Tudo na vida deve ocorrer ao seu tempo.

Atividade delegada é retomada em São José dos Campos

Faço parte do Conselho Municipal de Segurança e fico muito feliz pelas nossas reivindicações estarem sendo atendidas!

Nossa comunidade do Jd. das Indústrias e adjacências foi bastante impactada com a nova política e estratégia da Secretaria Estadual de Segurança Pública que fechou em todo o estado as bases Comunitárias de Polícia Militar, inclusive a nossa, construída pelos comerciantes locais e moradores em área pública municipal, onde inclusive nossa Academia participou. Esta retomada da Atividade Delegada na nossa cidade, com 40 policiais, será um enorme ganho para a segurança pública e melhor, vai iniciar-se aqui pelo Jd das Indústrias.

Atividade delegada é retomada em São José dos Campos

Desde o dia 15 de setembro, 40 policiais foram contratados pela prefeitura para reforço no policiamento.

Fui indicado para representar a Câmara Municipal no Conselho Municipal de Segurança, em votação unânime na Sessão de Câmara realizada em 28 de março. Participamos da Audiência Pública da LDO e uma das nossas sugestões, as quais tivemos a oportunidade de explanar na audiência foi sobre a reimplantação da Atividade Delegada em nosso município.

Temos atuado bastante na área de segurança pública, visto que é a segunda maior preocupação da população. Esperamos poder contribuir efetivamente com a melhoria da segurança na nossa cidade.

O atual Governo Municipal já anunciava, como proposta de campanha, a sua reimplantação e sempre demonstrou sua intenção de fazê-lo com um número expressivo de policiais. Será um ganho enorme para a segurança da nossa cidade. Sempre trabalhamos para a segurança de nossa cidade, inclusive há pouco tempo protocolamos uma Indicação enfatizando a importância desta retomada e readequação.